Série de Concertos do Museu do Oratório abre temporada 2015 no Sábado de Aleluia

0 Comentários

27/03/2015 às 18:43

No dia 4 de abril, o Museu do Oratório (Ouro Preto/MG) abre sua Série de Concertos de 2015. Os músicos Pedro Hasselmann Novaes (flauta doce) e Eduardo Antonello (cravo) trazem obras de Haendel, Volta, Corelli e Marcello, enfocando a dança em séculos, com músicas que são puro divertimento. O barroco dos séculos XVII e XVIII reuniu em sonatas e suítes uma grande diversidade de danças de vários países ou regiões. Será apresentada, também, uma pequena Jam Session de música tradicional irlandesa.

Para conceber e colorir um programa tão variado, os músicos unem instrumentos de técnicas e timbres distintos, como uma gaita de foles, flautas doces e whistles, que são flautas da tradição irlandesa, a um instrumento de tecla importantíssimo no barroco: a espineta. Ela acompanha os sopros, com atenção especialmente voltada para cada uma das épocas e estilos.

O concerto será às 18h30, com segunda sessão às 20h, nas dependências do Museu (Adro do Carmo, 28 – Centro). Os ingressos para a apresentação são vendidos a R$10,00 na portaria da Instituição. Estudantes e idosos pagam meia entrada. Mediante apresentação de comprovante de endereço, moradores de Ouro Preto não pagam ingresso.

O cravista Eduardo Antonello comemora a participação na Série de Concertos no Museu do Oratório. “É com grande satisfação que apresentaremos o programa, voltado para as danças, principalmente do século XVIII. Vale mencionar, também, a combinação de instrumentos como o whistle e a gaita de foles, acompanhadas pela espineta, oportunidade rara de se ver no Brasil”, completa.

Em 2015, a Série de Concertos no Museu do Oratório comemora seus 15 anos de existência. Anualmente, são oferecidos dez concertos, sempre com músicos de renome e repertório de qualidade, com valores acessíveis.

Os músicos

Eduardo Antonello é bacharel em cravo e mestre em Práticas Interpretativas pela UFRJ, onde foi contemplado com bolsas de iniciação científica e mestrado pela instituição sob a orientação do prof. Marcelo Fagerlande. Foi também bolsista do conjunto Sacra Vox, projeto que resultou na gravação do Cd Da República ao Império, em 2009. Ainda na Escola de Música da UFRJ, participa ativamente como intérprete e pesquisador da Semana do Cravo, evento anual organizado pela instituição dedicado ao instrumento no Brasil.

Realizou concertos com diversos grupos e formações musicais como Quarteto Ars Plena, Consortium Musicum Rio, duo com Kristina Augustin, Orquestra Barroca da Uni Rio dentre inúmeros outros. Participou de master classes com o cravista Olivier Baumont (França), com a cravista Christine Daxelhofer (Alemanha) e de improvisação erudita ao órgão e ao piano com Alexandre Rachid (Brasil). Atuou com as principais orquestras do Rio de Janeiro, como a Orquestra Sinfônica Brasileira, sob a regência do maestro Roberto Minczuk; Orquestra Petrobrás Sinfônica, sob a regência do maestro convidado Domenico Nordio; e Orquestra e Coro do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, integrando as montagens As Bodas de Fígaro, A Criação,de Haydn, A Infância de Cristo,de Berlioz, Cavaleria Rusticana,de Mascagni, O Barbeiro de Sevilha,de Rossini, O Messias, de Handel, Magnificat,de S. Bach e Villa-Lobos e obras de G. Handel e Purcell na Sala São Paulo, ao lado da soprano Jennifer Larmore.

Atualmente, é cravista concursado da UFRJ e participa de diversos projetos didáticos com, o grupo Ars Antiqua e a Academia Juvenil da Orquestra Petrobrás Sinfônica, sob a regência do maestro e violinista Felipe Prazeres.

Pedro Hasselmann Novaes é bolsista do governo francês. Estudou com o flautista doce Pierre Hamon no Conservatório Érik Satie, em Paris (1996-98), formando-se com o Primeiro Prêmio e Menção no concurso dos conservatórios da cidade (1998), onde seguiu também cursos no Centre de Musique Médiévale de Paris. No Brasil, foi aluno de Mário Orlando Guimarães e de Laura Rónai. É graduado em Licenciatura em Música (2003) e Mestre em Musicologia (2008) pela UNIRIO, com bolsa do CNPq. É professor no Conservatório Brasileiro de Música desde 2011, onde leciona Flauta Doce e História da Música. Foi professor substituto de Flauta Doce na UFRJ (2008-2009 e 2013). Lecionou o instrumento em escolas, projetos, festivais e cursos livres. Integra o conjunto de música medieval Atempo, com o qual gravou os CDs O Trovador da Virgem (distribuição Sono-Viso Vozes, 2001) e Estilo novo, nova arte (2011), com patrocínio da Petrobras. É membro também do Codex Sanctissima, conjunto de música religiosa medieval e renascentista. Nesses e em outros grupo, toca flautas, gaita de foles e viela de arco, instrumentos com que também tem feito participações em concertos e gravações (CDs Rosa das Rosas, Conjunto Codex Sanctissima, 2014; Sem mim, Grupo Corpo, 2011 e Annua Gaudia: a música do Caminho de Santiago, Conjunto Longa Florata, 1999). Tem contato com a música tradicional galega desde 2000, especialmente com o Grupo de Gaitas da Casa de España do Rio de Janeiro. Quanto à sua interpretação de música medieval  ̶  que é de natureza essencialmente oral  ̶, vem agregando seus conhecimentos de música antiga ao olhar das tradições orais vivas, uma vertente que se alinha com a visão de músicos e conjuntos musicais brasileiros e estrangeiros.

Série de Concertos no Museu do Oratório

A Série de Concertos no Museu do Oratório, que teve sua primeira apresentação em 2000, vem proporcionando desde então aos visitantes e moradores de Ouro Preto raros e belos espetáculos de música erudita com músicos reconhecidos e repertório variado. A Série de Concertos no Museu do Oratório é realizada pelo Instituto Cultural Flávio Gutierrez e pelo Museu do Oratório, com patrocínio da Gerdau, Oi e Cemig, pelas Leis Federal e Estadual de Incentivo à Cultura, com apoio do Oi Futuro.

Para este ano, a Série de Concertos no Museu do Oratório terá as seguintes apresentações:

04/04 – Pedro Hasselmann Novaes (flauta doce) e Eduardo Antonello (cravo)

02/05 – Guilherme Vincens e Michel Maciel (duo de violões)

06/06 – Pedro Persone (fortepiano)

04/07 – Cássia Lima (flauta) e Giselle Boeters (harpa)

25/07 – Delphim Rezende (cravo) e Regiane Martinez (soprano)

18/08 – Rafael Alberto e Leonardo Gorosito (Duo Desvio de Percussão)

26/09 – Edite Rocha e Elisa Freixo (dois teclados) – Primavera de Museus

17/10 – Cristina Banegas (cravo)

07/11 – Marcelo Parizzi (flauta), Mariana Jelen (violino) e Gina Umstead (viola)

05/12 – Antonio Guimarães (flauta) e Elisa Freixo (cravo)

 

Serviço – Série de Concertos no Museu do Oratório

Duo Eduardo Antonello (cravo) e Pedro Hasselmann Novaes (flauta doce)

Data: 4 de abril de 2015 – sábado

Horário: apresentações às 18h30 e às 20h

Local: Museu do Oratório – Adro da Igreja do Carmo, 28 – Ouro Preto.

Ingressos:

Inteira – R$ 10,00

Estudantes e idosos – R$ 5,00

Livre – moradores de Ouro Preto mediante comprovação.

A retirada do ingresso pode ser feita a partir do dia 01 de abril, na sede do Museu do Oratório.

Informações: (31) 3551-5369 – www.museudooratorio.org.br

 



Envie seu Comentário

Seu email não será divulgado. Os campos marcados com * são obrigatórios.

+ 7 = 12